Familiares identificam mortos em massacre na Crimeia

Genocídios, Século XX, Segunda Guerra Mundial Familiares identificam mortos em massacre na Crimeia
* Por Museu de Imagens


Soviéticos procuram por seus parentes no local do massacre nazista perto de Kerch, na Crimeia. Foto tirada por Dmitri Baltermants em janeiro de 1942.

Foto de familiares identificando parentes mortos na Crimeia, no dia 1 de janeiro de 1942.

Massacre na Crimeia

A fotografia intitulada Families Identify Dead (Familiares Identificam Mortos), foi tirada pelo fotógrafo Dmitri Baltermants no dia 1 de janeiro de 1942 e mostra uma forte imagem de uma senhora diante do corpo de um parente morto na Crimeia, durante a Segunda Guerra Mundial. A imagem circulou ostensivamente na imprensa soviética daquele ano e serviu como propaganda para denunciar crimes de guerra nazistas. Dmitri Baltermants documentou algumas das atrocidades cometidas pelas tropas alemãs contra a população da região após a libertação de um campo de prisioneiros. Contudo, alguns veículos de imprensa posteriormente acreditaram que a foto se tratasse de mera propaganda soviética.

Foto: “Families Identify Dead”. © Dmitri Baltermants/The Dmitri Baltermants Collection/Corbis. ID: 42-15131659.