King: o primeiro violino da História

Curiosidades, Idade Moderna, Música King: o primeiro violino da História
* Por Talita Lopes Cavalcante


Totalmente trabalhado, King foi utilizado para entreter a realeza.

“King”, o mais antigo violino existente, datado ca. 1538.

Foi na oficina de Andrea Amati (ca. 1505-1577), em Cremona na Itália, em meados do século 16 que os violinos foram criados.

“King”, como agora é chamado, é o instrumento mais antigo da família do violino que sobreviveu à ação do tempo. Originalmente possuindo apenas 3 cordas, o instrumento fora usado na corte do rei Carlos IX até o início da Revolução Francesa (1789).

King é um dos raríssimos instrumentos Amati que sobreviveu à passagem do tempo

Detalhes de King.

A família do violino em sua forma moderna, como dito previamente, surgiu nas oficinas de Andrea Amati, no norte da Itália por volta de 1550. Amati foi uma das primeiras famílias fabricantes a adicionar a quarta corda nos violinos e a padronizar em sua forma moderna os tamanhos da viola e violoncelo. Os instrumentos criados por Amati possuíam um alto grau de detalhamento muitas vezes em pinturas, delicadeza e leveza. É exatamente pelo fato de serem muito bem trabalhados que atualmente exemplares são raríssimos.

Poucos instrumentos musicais pioneiros como esse sobreviveram

Mias detalhes laterais do instrumento Amati.

Além do “King”, apenas mais 7 instrumentos Amati sobreviveram ao tempo. Alguns desses trazem ainda o brasão de armas do rei Carlos IX da França e, portanto, prova que foram concluídos antes de sua morte em 1574. Nessa época um conjunto de violinos, viola e violoncelo passaram a ser os instrumentos preferidos para a composição de músicas que acompanhariam danças, de amadores à aristocracia e nobreza.

Referências:
– National Music Museum. NMM 3351. Violoncello, The King, by Andrea Amati, Cremona, mid-16th century. Witten-Rawlins Collection, 1984.
Violin Makers: Nocoló Amati (1596 — 1684) and Antonio Stradivari (1644 — 1737), The Metropolitam Museum of Art.